ACIAGGO - Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia

Aparecida de Goiânia

Aparecida de Goiânia


Aparecida de Goiânia é um município brasileiro do Estado de Goiás. Localiza-se na Região Met ropolitana de Goiânia. Tem de acordo com o censo em 2010, 442.978 habitantes. Sendo o segundo maior colégio eleitoral do estado. Sua Área é de 288 km² representando 0.0848% do Estado, 0.018% da Região e 0.0034% de todo o território brasileiro.


Geografia
Nos seus aspectos geográficos, Aparecida de Goiânia integra a Microregião de Goiânia, estando situada a 18 quilômetros do centro da Capital do Estado pela BR 153 e 15 minutos de percurso. Sua altitude é de 804 metros, com uma área de 289,08 quilômetros quadrados. Suas terras são do tipo sílico argilosa com pedreiras. A temperatura média oscila entre 26 e 27 graus centígrados.


Clima
Aparecida de Goiânia possui um clima tropical semi úmido sendo quente a maior parte do ano. Apesar disso, no inverno as temperaturas mínimas podem despencar para até 9°C. Porém, as máximas podem ser superiores a 31°C. (Temperaturas típicas de um dia de inverno: mín. 11°C/máx.28°C). Na primavera, são registradas as maiores temperaturas. Há casos em que as temperaturas máximas podem alcançar ou ultrapassar os 38°C. (Temperaturas típicas de um dia de primavera: mín. 21°C/máx.35°C). No verão as temperaturas ficam mais amenas: entre 19°C e 29°C. (Temperaturas típicas de um dia de verão: mín. 20°C/máx.29°C). No outono, as temperaturas ficam mais amenas variando entre 14°C e 28°C. (Temperaturas típicas de um dia de outono: mín. 15°C/máx.27°C).


Hidrografia
A sua hidrografia é formada pelo rio Meia Ponte que banha o município em pequena extensão, servindo de limite com outros municípios. Os ribeirões das Lages, Santo Antônio e o córrego da Serra banham o seu território. O serviço de eletrificação do município, com energia fornecida pela hidrelétrica de Cachoeira Dourada, foi inaugurado em 11 de maio de 1960 pelas Centrais Elétricas de Goiás (CELG). No aspecto demográfico, a população residente no município após a sua emancipação que não atingia 2.000 pessoas, de acordo com a sinopse preliminar do censo demográfico, sua população em 1980, foi proporcionalmente a de maior crescimento no Brasil, estando assim distribuída: urbana 20.724, rural 21.941 com um total de 42.665 habitantes, ficando a densidade demográfica em 11,40 hab/km².


Economia
Em seus aspectos econômicos, a pecuária, com a criação de gado bovino com a finalidade de corte e leite é uma das atividades na sua pequena extensão rural. No município onde predomina a indústria extrativa de areia para construções, pedras, barro comum para fabricação de tijolos, a agricultura não é expressiva, tendo-se em vista que são atividades conflitantes, dentro de uma pequena área territorial rural, visto que 70% do seu território encontra-se hoje ocupado por grande proliferação imobiliária, cujos lotes e áreas diversas estão ocupadas por moradias e setores industriais.


O intercâmbio comercial, em maior escala, é realizado com o município de Goiânia e com outros estados, tendo como principal meio de acesso a rodovia BR-153. Por seu turno, Goiânia é o principal centro consumidor de seus produtos extrativos e industrializados. Supermercados, armazéns, mercearias e semelhantes realizam o abastecimento interno.


Aparecida de Goiânia possui agências dos Correios e Telégrafos, milhares de telefones instalados, ônibus de percurso entre a Capital e a maioria das regiões do município, bastante asfalto e muitos bens e serviços públicos, existindo agências bancárias como o Banco do Brasil, Bradesco, CEF, Itaú e outros.


Indicadores socioeconômicos
PIB municipal (2008)
R$ 3,873 bilhões
PIB per capita (2008)
R$ 7.827,05
Composição do PIB (2008)
Valor adicionado bruto da agropecuária: R$ 5.421 milhões
Valor adicionado bruto da indústria: R$ 0,792 bilhão
Valor adicionado bruto dos serviços: R$ 2,643 bilhões
Impostos sobre produtos líquidos de subsídios: R$ 0,432 bilhão


Política
Prefeitura

Em 3 de fevereiro de 1964, o governador do estado Mauro Borges Teixeira nomeou Licídio de Oliveira como o primeiro prefeito do então recém criado município de Aparecida de Goiânia. O país passava por momentos difíceis, devido ao golpe militar de 1964 O presidente da República, Castelo Branco, nomeou como interventor do governo de Goiás o tenente-coronel MeiraMatos. Como o município de Aparecida representava um reduto da oposição ao golpe, foi nomeado para ocupar o cargo de prefeito o ex-combatente de guerra, José Bonifácio da Silva, cujo mandato se estendeu até 31 de janeiro de 1966. A partir dessa data, assume o primeiro prefeito eleito pelo voto direto, Tanner de Melo, e desde então todos os prefeitos foram eleitos de forma democrática. A cena local esteve polarizada entre o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e a Aliança Renovadora Nacional (Arena) e seus sucessores, o PMDB e PFL. Atualmente, a gestão de Aparecida está nas mãos do ex-governador de Goiás MaguitoVilela, do PMDB.

 

+ Parceiros